Conquista: CASE já tem construtora definida

Conquista: CASE já tem construtora definida
08 fevereiro 17:22 2018 Imprimir

O Governo da Bahia divulgou resultado da licitação para início das obras da Comunidade de Atendimento Socioeducativo (Case) de Vitória da Conquista. A homologação da empresa vencedora está publicada na edição do Diário Oficial do Estado dessa quarta-feira (7).

O consórcio Metro Engenharia e Consultoria Ltda, Nordeste Engenharia Ltda e Globo Engenharia Eireli foi o vencedor do processo licitatório e serão o responsável pela construção do equipamento que conta com investimento final de mais de R$ 20 milhões por parte do Governo do Estado.

O deputado federal Waldenor Pereira comentou a boa notícia, que traz para Vitória da Conquista “uma obra da maior significância para o processo de ressocialização de jovens infratores da nossa região.

“Apesar da crise financeira, fiscal e econômica que se abate em todo o Brasil, o governador da Bahia, Rui Costa, não para de anunciar investimentos. Trata-se do segundo estado da federação, com o maior volume de investimentos realizados”, discursou o deputado, que acrescentou.

Ao lado do deputado Zé Raimundo, do ex-secretária de Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social, Geraldo Reis, e a gestão do PT no município, Waldenor participou desde o início da luta por este importante equipamento junto aos governos federal e estadual, atendendo às solicitações da população do Sudeste baiano e às autoridades da Vara da Infância e da Juventude em Vitória da Conquista.

Para Zé Raimundo, a iniciativa para construção da Case vem coroar uma série de benefícios para o município de Vitória da Conquista, promovidos pelo projeto do PT no estado.

“O governador Rui Costa está cumprindo todos os compromissos assumidos com a nossa cidade, com a construção do novo aeroporto, a barragem do Catolé e investindo na segurança pública, reforçando os efetivos policiais civil e militar e equipando as suas unidades. Com essa ação para proteção dos adolescentes e jovens em conflito com a lei, demonstra atenção especial com a sua base de aliados, que tem a nós, eu e o deputado federal Waldenor Pereira, ferrenhos defensores desse projeto da Case”, avaliou.

A previsão é que a Case seja construído no prazo entre 12 a 18 meses. A Comunidade será edificada num terreno de 22 mil m², no Loteamento Chácaras Candeias, que foi doado pelo Governo Municipal, durante a gestão do ex-prefeito Guilherme Menezes, para a Fundação da Criança e do Adolescente (Fundac). (Fonte: Ascom dos Deputado Waldenor Pereira e Zé Raimundo)



Escreva um comentário

Nenhum comentário

Nenhum comentário ainda...

Seja o primeiro a comentar!.

Publique seu comentário

Your data will be safe! Your e-mail address will not be published. Also other data will not be shared with third person.
All fields are required.