WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
adriana calcados camara vitoria da conquista
DestaquesInteresse Público

Conquista: Lojistas vivem expectativa de superação da crise e apostam no aumento das vendas no período junino

Por Celso Rios 

O aquecimento das vendas no período junino somado a Copa do Mundo tem feito muitos comerciantes se animarem e terem expectativas de superação da crise, pois, pode ser um prenúncio de muitas vendas.

Para Marcos Alberto, diretor financeiro da Câmara de Dirigentes Lojista de Vitória da Conquista (CDL), o horário alongado até por volta das 20h pode ser mais um aliado para  impulsionar o aumento das vendas.

“A gente espera que as vendas sejam compensadas com o horário alongado que estamos praticando nesses dias que antecedem o São João. O jogo desta sexta-feira, por exemplo, impacta nas vendas porque o pessoal tende a ficar mais em casa reunido com os amigos. É normal que nesse intervalo de cerca de 2h, entre deslocamento e o jogo, o comércio só vá deslanchar a partir das 13h. Isso acaba impactando diretamente nas vendas”, analisou Marcos.

Ainda segundo o representante da CDL, o ano de 2018 assim como foi o ano passado, continua sendo um ano de superação.

“Esperamos que as necessidades de vendas sejam atendidas, trabalhamos positivamente para superarmos os índices do ano 2017. Essa semana que seria de pico nas vendas, com o jogo terá cerca de duas a três horas a menos para o comércio. Justamente com intuito de superar e termos um bom saldo, no sábado pela tarde o comércio vai funcionar até 16h”, frisou o diretor financeiro.

Marcos reforça que para driblar as adversidades, é preciso que os lojistas estejam preparados, motivando bastante seus vendedores e atentos para atender da melhor forma possível seus clientes.

“Em termos de porcentagem, alguns lojistas falam de 5% ou até 10% no aumento das vendas. Já outros, acreditam que se repetirem o mesmo valor do ano anterior que não estaria ruim. O bom que o inverno chegou mais cedo, isso ajuda para que os clientes comprem e muitos lojistas compraram bastante artigos de inverno. A gente espera que o frio motive também o aumento das vendas, finalizou Marcos.

Etiquetas

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar