WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
adriana calcados camara vccamara vc
Interesse Público

Quinto envolvido na morte de rapaz assassinado no Vila América é preso em Conquista

A Polícia Civil de Vitória da Conquista deu voz de prisão, no início da tarde desta quinta-feira, 21, a Daniel Chaves Oliveira, conhecido como Minhoca ou Pantera, o quinto envolvido no assassinato de George Pacheco Xavier, fato ocorrido no último domingo, no bairro Vila América.

Como já estava sendo procurado pela Polícia, a guarnição PETO 07 da 78a CIPM reconheceu Daniel no bairro Kadija, tendo este tentado fugir ao perceber a aproximação da VTR, mas os policiais militares agiram rapidamente e conseguiram deter o suspeito e o apresentaram à DH, contudo, sem a arma do crime ou outra materialidade delituosa.

O Delegado de Polícia que preside as investigações, Dr. Marcus Vinicius de Morais Oliveira, também deu voz de prisão em flagrante delito pelo crime de associação criminosa ao tráfico de drogas, em face de farto material de investigação elaborado pela Delegacia de Homicídios. Daniel Chaves Oliveira participou do assassinato de George ao entregar um revólver calibre 38 a Marcos Douglas. “Ele confessou ser o autor de quatro assassinatos e que é integrante de uma facção criminosa voltada sobretudo ao tráfico de drogas ilícitas, a qual é responsável por centenas de homicídios ocorridos nos últimos anos em Vitória da Conquista e região. Afirmou que é subordinado a EzequieL, o Zica, e a Diogo Oliveira Campos, o Kiko. Inclusive, ele tem uma tatuagem em homenagem a Kiko.

Na última segunda-feira, 18, a Polícia já havia prendido Joanderson Silva Chaves, Marcos Douglas Moraes Silva, o Cria Nova, Marcela Dos Santos e o presidiário Ezequiel Lima Dos Santos, o ZIica, o qual recebeu ordem de prisão em flagrante delito no interior do presídio Nilton Gonçalves, todos envolvidos na morte de George.

Fonte: DH/VCA.

Etiquetas

Artigos relacionados

Fechar