WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
adriana calcados camara vitoria da conquista
Entretenimento

‘Eu não falo sobre intolerância, é um verbo que não sei conjugar’, diz Ivete

A cantora Ivete Sangalo apresentou a turnê ‘Live Experience’ no palco do Salvador Fest, no domingo (15), no Parque de Exposições. Nos bastidores, a artista não escapou de perguntas sobre o desabafo que fez durante o show no Rock in Rio Lisboa.

Questionada se o ato foi contra a intolerância, Ivete disparou: “interrompi o show para falar de amor. Eu não falo de intolerância, que é um verbo que não sei conjugar. Mas amar eu conjugo diariamente. Muitas vezes a gente fala sobre algo que a gente não pratica. A gente perde muito tempo tomando conta da vida do outro e a gente esquece de tomar da nossa. Acho que hoje a gente pode falar mais, mas isso é uma conquista das outras tantas discussões e debates. Eu acho que as coisas precisam ser debatidas”.

Situações esclarecidas, Veveta aproveitou para citar as recentes homenagens que fez à Irmã Dulce e Mãe Carmen, ao participar dos projetos ‘A Bahia Canta Sua Santa’ e ‘Obatalá’, respectivamente. “Sou cristã, católica, e o que aprendi com minha mãe e meu pai sobre a religião é que a fé habita em você à sua maneira, nas coisas que você acredita. A minha fé se relaciona muito com amor, com paz e energia boa. E eu vejo isso tudo dentro dessas inúmeras religiões. Eu acho que as pessoas têm fé e têm que fazer as escolhas de acordo com a empatia que têm, com as histórias, com aquele fundamento. O respeito é a condição máxima pra se viver em comunhão. Eu tive um prazer enorme de homenagear duas mulheres de muita relevância, isso é inegável. Irmã Dulce e Mãe Carmen são duas mulheres que eu tenho uma admiração muito grande e assim será. Farei sempre aquilo que o meu coração mandar. Não sou uma pessoa de me deter diante da raiva alheia”, afirmou.

Fonte: IBahia

Etiquetas

Artigos relacionados

Fechar